slider img
slider img
slider img
slider img
slider img
slider img
slider img
slider img
slider img
slider img
slider img
slider img
slider img

A jovem Julissa Emile, de 19 anos, foi assistir recentemente uma competição de poesia em uma universidade em Chicago, nos EUA. Ela ...

As imagens desses estudantes em um banheiro de gênero neutro viralizaram pelo melhor motivo

💜
2017


A jovem Julissa Emile, de 19 anos, foi assistir recentemente uma competição de poesia em uma universidade em Chicago, nos EUA. Ela e seus amigos então resolveram tirar uma selfie para mostrar como algo que costuma ser tratado feito um enorme tabu pode ser, na verdade, algo bastante natural e inclusivo: ela compartilhou em seu Twitter uma foto tirada com seus amigos em um banheiro unissex, de gênero neutro, que pode ser usado por toda e qualquer identidade sexual.

 Emile1 

O tweet de Emile viralizou, mostrando a novidade dos banheiros unissex. A legenda diz: “Um banheiro de gênero neutro, mas cada vez que eu tiro uma foto mais pessoas queer aparecem para posar”.

Emile4 

A recepção, tanto ao tweet de Emile quanto à novidade dos banheiros foi majoritariamente bem recebida pela rede, e as benesses de um banheiro sem divisão por gênero parecem ir além da inclusão de diversas identidades sexuais e da proteção à população LGBTQ: aos pais que querem acompanhar seus filhos, assim como idosos ou deficientes que precisem de companhia no banheiro, a vantagem é evidente.

 Emile3 

Os banheiros unissex são novidade pelo mundo, provocando muita controvérsia em toda parte. Aos poucos que reagiram com críticas ao tweet, no entanto, a própria resposta de Emile é o que melhor aponta o despropósito de todas as reações contrárias: “As pessoas literalmente possuem banheiros de gênero neutro em suas casas. Qual é a grande questão?”, ela diz.

Emile5 

O ponto mais importante do debate, no entanto, é um só: “É absolutamente possível que pessoas coexistam sem violência, especialmente em uma situação tão simples quanto ir ao banheiro”, afirma Emile.

Emile2 

© fotos: Twitter

Depois de legalizar o uso da maconha, o estado do Colorado deu mais um passo para admitir aquilo que todos já sabiam, mas não podia...

Igreja da maconha será inaugurada nos EUA ainda em abril

💜
2017


Depois de legalizar o uso da maconha, o estado do Colorado deu mais um passo para admitir aquilo que todos já sabiam, mas não podiam (ou tinham coragem de) admitir: a maconha é amada por muitos pelo mundo todo. Assim, naturalmente foi criada a Igreja Internacional da Cannabis, na cidade de Denver, que entrará em atividade no próximo dia 20 de abril – também conhecido como dia mundial da maconha pois, na forma americana de se escrever as datas, é o dia 4/20.

International Church of Cannabis 

A igreja é localizada em uma belíssima capela centenária, recentemente reformada em grafites coloridos e psicodélicos – como excelentes “atrações visuais” para quem ama e idolatra a cannabis, feito uma capela sistina da maconha – e tem como intuito ser “um lar espiritual para adultos que procuram se tornar a melhor versão de si mesmos”. A entidade responsável pela abertura da Igreja no Colorado é a Elevation Ministries.

ChurchC1 

International Church of Cannabis 

International Church of Cannabis 

A igreja é também uma resposta à insatisfação que muitos sentem diante da maneira com que as religiões tradicionais funcionam.

International Church of Cannabis 

Os ‘elevacionistas’ fundadores da Igreja

Os adoradores da maconha que aderirem à nova religião serão chamados de Elevacionistas, e revelam que sua missão será “acelerar e aprofundar a jornada espiritual de auto-descoberta” com a pequena ajuda da erva – trata-se, segundo o vídeo, do “primeiro grande lugar no mundo em que as pessoas podem consumir maconha em um ambiente social legalmente”.




A erva é de fato considerada sagrada em diversas religiões, e como qualquer um pode comprovar, traz mais bem estar, afeto e empatia do que muitos outros motivos de adoração pelo mundo.

International Church of Cannabis 

International Church of Cannabis 

International Church of Cannabis 

ChurchC10
© fotos: Helen H. Richardson/The Denver Post

Todo mundo parece concordar que as crianças sempre têm as melhores sacadas. Com sua inocência, elas veem o mundo de uma maneira mui...

Pai transforma as divertidas frases de sua filha em ilustrações ainda melhores

💜
2017


Todo mundo parece concordar que as crianças sempre têm as melhores sacadas. Com sua inocência, elas veem o mundo de uma maneira muito mais mágica do que os adultos e costumam proferir as frases mais engraçadas. Mas como será que essa criatividade infantil ficaria ilustrada?

É o que o designer gráfico Martin Bruckner mostra ao ilustrar algumas das mais brilhantes frases ditas por sua filha, Harper Grace, de apenas cinco anos. Enquanto algumas das citações são cômicas, outras prometem derreter o seu coração. As ilustrações são publicadas na página do Facebook Spaghetti Toes e deram origem ao livro “I Love You With All My Butt” (algo como “Eu te amo com toda minha bunda”, em tradução livre).

Espia só:

fun 

Filha: Pai, funcionou! Funcionou! Eu rezei tanto para ter uma tempestade de neve e você ficar em casa com a gente hoje!  Pai: Isso é tão legal da sua parte, querida. Mas talvez não seja a melhor coisa para pedir a deus.  Filha: Ah, eu não rezei para deus. Eu rezei para Elsa. 

fun2 

Isso é um espelhou ou… é um caminho para fora daqui?

fun3 

Nós devíamos amar todas as pessoas. Todas as cores. Rosa, bege, marrom, azul, roxo. Bem, não tem azul nem roxo. Bem, na verdade eles existem, eles só estão sufocando. 

fun4 

O que significa “cair de amores”? Você cai e o amor está no chão?

fun5 

Quando você ama alguém é tipo como se o seu coração estivesse tocando o dessa pessoa. 

fun6 

Alguma vez você já desejou poder tirar sua cabeça fora por alguns minutos?

fun7 

Eu sou uma garota, eu tenho cérebros e eu vou salvar o mundo!

fun8 

Quando eu crescer, eu vou ser uma trovoada. 

fun9 

Você acha que todos os grandes presidentes podem lamber suas axilas?

fun10 

Mãe, seu cabelo é legal e macio, assim como um guaxinim. 

fun11 

Papai, mova o sol.

fun12 

Pai, eu estou triste e solitária, assim como a van do Scooby Doo. 

fun13 

Pai, eu sei que a Mulher Maravilha geralmente luta contra o crime, mas você acha que ela teria tempo para vir hoje à noite e lutar contra minha tosse?

fun14 

Mãe, você é minha melhor amiga hoje. Amanhã vai ser a Ariel.

fun15 

 Mãe! Meu pum tem cheiro de confete!
Todas as imagens © Spaghetti Toes

O abandono de animais tem se tornado cada vez mais comum na Índia. Voluntários de uma ONG que resgata cães nas ruas de Mumbai contam...

Anúncios criativos usam ilusão de ótica para promover a adoção de animais abandonados

💜
2017


O abandono de animais tem se tornado cada vez mais comum na Índia. Voluntários de uma ONG que resgata cães nas ruas de Mumbai contam que a média passou de dois para dez animais por semana. O problema inspirou uma bela campanha de conscientização.

petadoption1 

“Sempre há espaço para mais. Adote”, diz o slogan da World For All, uma organização que organiza feiras para aumentar o número de adoções de animais de rua no país. Foi para divulgar uma delas que o fotógrafo Amol Jadhav e o diretor de arte Pranav Bhide criaram imagens bem alinhadas com o lema da WFA.

Os dois trabalharam o espaço negativo entre as pessoas das fotos para mostrar que uma família fica ainda mais completa com um bichinho – gato, cachorro, coelho ou o que mais agradar. “As pessoas sempre reclamam da falta de tempo ou espaço para fazer mais, mas pensamos de outra forma“, diz Pranav.

petadoption3 

A ilusão de ótica fez sucesso: a feira de adoção registrou movimento 150% superior aos das edições anteriores. 42 animais foram adotados em um único dia, número expressivo, segundo os organizadores, que também dizem que passaram a ser procurados com mais frequência depois da campanha.

petadoption2 

Todas as imagens © Amol Jadhav e World For All

A fotógrafa e designer gráfica Yulia Taits  costuma brincar bastante com o Photoshop em seus trabalhos, mas, quando decidiu fazer um e...

Fotógrafa capta a beleza hipnotizante de pessoas albinas

💜
2017

A fotógrafa e designer gráfica Yulia Taits costuma brincar bastante com o Photoshop em seus trabalhos, mas, quando decidiu fazer um ensaio com pessoas albinas, percebeu que não precisaria de nenhum tipo de retoque para mostrar toda a beleza delas.

Fazia tempo que eu tinha a ideia para este projeto. A beleza única dos albinos me hipnotiza. Ela é tão pura e incrível que parece ter saído de fantasias e contos de fadas”, diz.

Todas as fotografias foram pensadas para ter o branco como tom principal, se não o único. Yulia conta que o ensaio a deixou empolgada par aprovar que esta não é apenas uma cor, mas que tem diferentes e belas matizes e tonalidades. A fotógrafa diz estar muito orgulhosa dos resultados, e não é difícil entender por quê!

img_0628_s-582c432010f95__880 

img_0607_s-582c431a3aaf2__880 

img_0031_s-582c42f22313f__880 

img_0668_s-582c4323136df__880 

img_0216_s-582c4306013dd__880 

img_0173_s-582c43013b4fc__880 

img_0404_s-582c430b6ce4a__880 

img_0527_s-582c4310c75c4__880 

img_0115_s-582c42fb9ea82__880 

img_0074_s-582c42f84b0d7__880 

img_0551_s-582c43160c640__880
Todas as fotos © Yulia Taits

O tráfico de pessoas com fins de exploração sexual interrompe os planos de vida de milhões de mulheres na Índia. Nenhum outro país ...

Universidade cria curso especial para que sobreviventes de tráfico sexual virem advogadas

💜
2017


O tráfico de pessoas com fins de exploração sexual interrompe os planos de vida de milhões de mulheres na Índia. Nenhum outro país no mundo tem tantas vítimas desse tipo de crime, mas, se depender de um novo curso, em breve teremos algumas advogadas interessadas em enfrentar o problema.

https---blueprint-api-production.s3.amazonaws.com-uploads-card-image-445702-4e0b2208-b6bd-4851-a848-ea03d0b1dc96 

Uma parceria entre o Free a Girl Moviment (“Movimento Liberte Uma Garota”) e uma das melhores faculdades de direito indianas (que não teve o nome revelado por motivos de segurança) deu origem à School For Justice, ou Escola Pela Justiça, curso especial para 19 mulheres que conseguiram escapar da exploração sexual.

É o caso de Lata, que nasceu em um vilarejo na violenta região de Kultali e que parou d estudar aos 16 anos: ela se casou com um homem que a vendeu para um bordel após dois meses de união. “Virar advogada é meu sonho, e fazer justiça a quem força crianças a se prostituírem meu objetivo”, diz.

https---blueprint-api-production.s3.amazonaws.com-uploads-card-image-445706-d387dc7a-2f56-4353-b16f-b3058b83147f 

A primeira turma da School For Justice começou a estudar no dia 6 de abril. São 19 mulheres, com idades entre 19 e 26 anos, que devem se formar até 2023. A formação, com foco na exploração sexual, pode ser fundamental para aumentar o número de condenações pelo crime: cerca de 45% dos casos que chegam aos tribunais indianos não terminam em condenação, e a falta de advogados especializados é um dos grandes motivos.

A ideia para o curso surgiu na agência de publicidade J. Walter Thompson Amsterdam, durante uma campanha para o Free a Girl. Bas Korsten, um dos fundadores do projeto, garante que ele será mantido por muito tempo, e revela que eles planejam trazê-lo ao Brasil em um futuro próximo.



Screen Shot 04-13-17 at 07.58 PM 

Screen Shot 04-13-17 at 07.59 PM 

Todas as imagens © School For Justice